ProfLetras Recebe Inscrições Até Outubro

01 Apr 2019 10:42
Tags

Back to list of posts

<h1>De Onde Vem Essa Pot&ecirc;ncia?</h1>

<p>O Minist&eacute;rio da Educa&ccedil;&atilde;o e Cultura (MEC) divulgou nota nesta quarta-feira, 18, afirmando que as universidades p&uacute;blicas do Na&ccedil;&atilde;o continuar&atilde;o gratuitas. O texto &eacute; motivado na influ&ecirc;ncia da Proposta de Emenda Constitucional (PEC), em tramita&ccedil;&atilde;o no Congresso, que procura regulamentar a cobran&ccedil;a em cursos de extens&atilde;o, mestrado profissional e especializa&ccedil;&atilde;o e p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o lato sensu nas institui&ccedil;&otilde;es estaduais e federais. De acordo com o ministro Mendon&ccedil;a Filho, &quot;cada detalhes diferente dessa &eacute; falsa.&quot; Logo em seguida, todavia, o MEC diz que a gratuidade est&aacute; garantida s&oacute; para cursos de gradua&ccedil;&atilde;o e p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o acad&ecirc;mica (mestrado e doutorado).</p>

<p>O minist&eacute;rio cita que a cobran&ccedil;a, nesses casos, de imediato &quot;&eacute; pr&aacute;tica&quot; em organiza&ccedil;&otilde;es renomadas de educa&ccedil;&atilde;o superior, como o col&eacute;gio de S&atilde;o Paulo (USP), a universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e a faculdade Federal de Pernambuco (UFPE). Mendon&ccedil;a Filho, enquanto deputado federal (DEM-PE), foi a favor da aprova&ccedil;&atilde;o da PEC pela vota&ccedil;&atilde;o em primeiro turno. Ainda &eacute; necess&aacute;ria a vota&ccedil;&atilde;o em segundo turno antes de a proposta ser encaminhada ao Senado.</p>
<ul>
<li>Procura de preservar l&iacute;der</li>
<li>dois Exclus&atilde;o Digital</li>
<li>M&eacute;todos Quantitativos em Governan&ccedil;a e Sustentabilidade</li>
<li>Organize as demandas. H&aacute; aplicativos que ajudam a definir prioridades do dia e da semana</li>
<li>Enfermagem e Acompanhamento de Sa&uacute;de</li>
<li>UFBA - Sa&uacute;de Coletiva</li>
<li>Em experi&ecirc;ncias</li>
</ul>

<p>Tem um defeito l&aacute;, j&aacute; que at&eacute; o quinto ano o ensino vem melhorando. Como se resolve isso? Por que as universidades dizem que o defeito n&atilde;o &eacute; delas. N&atilde;o &eacute; de fato s&oacute; delas. Tamb&eacute;m &eacute; dos secret&aacute;rios de Educa&ccedil;&atilde;o que realizam concurso p&uacute;blico fundado exatamente nesses curr&iacute;culos das universidades, sem prova pr&aacute;tica. Outra coisa &eacute; haver cria&ccedil;&atilde;o complementar como parte do m&eacute;todo seletivo, como faz a Receita Federal.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License